Contas a vida 360
Endividamento Finanças Pessoais

A Caminho da Independência Financeira

Entramos no ano de 2017 cheios de planos e objetivos mas muitas vezes os nossos planos sofrem quando pensamos na nossa situação económica verdade?

E que tal tornar o ano de 2017 no primeiro ano em busca da Independência Financeira?

Como conseguir a independência financeira?

1 – Analise o ano em detalhe.

Pense em todas as despesas que sabe que irá ter ao longo do ano (IRS, IUC, Seguros, etc)

boonzi-logotipo-300x300Sugiro a utilização do Boonziou outro software de gestão de finanças pessoais (mais informações aqui). Comece 2017 com orçamentos definidos para os primeiros meses do ano e vá adaptando consoante as necessidades.

 

 

2 – Estabeleça metas financeiras a curto e a longo prazo

É importante estabelecer objetivos realistas e que sinta a realização de pimg_20170109_083627_504oder alcança-los.

Por exemplo: juntar 1000€ para um fundo de emergência (pense sempre em metas mais pequenas – 1000/12 = 83€/mês); ou pagar um cartão de crédito ou acabar com uma divida em concreto. Decidir, focar e concretizar

 

3 – Pague-se primeiro e aumente as suas poupanças

Crie um plano de poupança regular. uma forma simples é opte pela transferência automática de uma parte do seu salário (o recomendado são 10%, mas pode ser o valor que quiser) para uma conta poupança. Acaba por nem sentir o dinheiro a ir e no final do ano vê a poupança com um belo valor

4 – Renegociar contratos

Reveja todos os contratos que tenha, liste os términos de fidelização na sua agenda para ter oportunidade de renegociar ou alterar. (exemplo: televisão/net; telemóvel, entre outros)

Reveja também todos os seguros tem e quanto está a pagar por cada um. Se tem vários seguros e cada um numa seguradora diferente, pense em ter todos os seguros na mesma seguradora, simule de diversas formas e em várias seguradoras e escolha a melhor oferta para si (relação entre € e coberturas).

5 – Faça um plano para acabar com as dívidas em 2017

Comece por fazer uma lista de todas as dividas da mais pequena para a maior e estabeleça pequenos objetivos para ir eliminando-as uma a uma.

Se está numa situação complicada e a limitar a sua liberdade financeira, comece 2017 com a resolução de pedir ajuda a profissionais.

6 – Inicie um fundo de emergência de segundo nível

Pense, se ficasse desempregado hoje o que faria? provavelmente entraria em desespero a pensar no amanhã certo?

Planeie um fundo de emergência de segundo nível (quando o primeiro estiver concluído). O valor mínimo de um ordenado liquido seu vezes (3 a 6 meses depende do seu objetivo). Dessa forma fica com um fundo de emergência (a chamada Almofada Financeira) que possibilita respirar fundo e mesmo que aconteça um imprevisto ter a garantia que as suas contas estão saldadas pelo período que estipulou.

7 – Inicie um Plano de Reforma e/ou Poupança para seus filhos

É importante pensar no amanhã, e em como está a Segurança social não há garantia que tenhamos sequer direito a reforma! Mais vale prevenir e quanto mais cedo melhor. Uma boa poupança para quem tem filhos também ajuda por exemplo quando entrar na faculdade (se assim o decidir) ter a possibilidade de pagar onde quer que queira entrar e sem iniciar a sua vida ativa com empréstimos universitários.

 

Atenção

Temos consciência que estes poucos são difíceis de alcançar, não é de um dia para o outro, pode demorar meses ou até mesmo anos, mas se a nossa mentalidade estiver focada, demore o tempo que demorar vão conseguir a la chegar! Um passo de cada vez!

Aconselho vivamente que vejam este video. É verdadeiramente inspirador!

Artigos Relacionados

Esteve de baixa em 2016 ? Leia isto!

5 dicas de Gestão do Orçamento

Como faço o orçamento familiar?

2 comentários

Estou desempregado e agora? | Contas à vida 360º 22 Janeiro, 2017 at 13:40

[…] […]

Responder
Independência Financeira | Contas à vida 360º 25 Fevereiro, 2017 at 14:19

[…] Aqui 7 dicas de como conseguir alcançar a Independência Financeira […]

Responder

Deixa um comentário